RESENHA: MINHA RENDIÇÃO - CINTHIA FREIRE

Título: Minha Rendição
Série: Segredos
Livro: 02
Classificação: ★★★★★Gênero: Romance | YA
Autora: Cinthia Freire 
Editora: Independente
Páginas: 400
Ano: 2017
Compre aqui: Amazon
Adicione: Skoob

"Segredos são como fantasmas, nos assombrando e nos fazendo crer que são reais.Todos têm os seus fantasmas .Poliana tem os seus e há seis meses ela tenta se convencer que ainda é capaz de viver, mesmo que seu coração diga a ela que não há mais esperanças .Vinicius é um renomado cardiologista que vê no trabalho voluntario uma forma de se redimir dos seus pecados.Uma mulher marcada pela dor, um homem que carrega em seu coração a culpa por seus atos.Duas almas feridas encontrando nos braços um do outro uma nova chance para serem felizes.Um livro sobre culpa, perdão, rendição e a descoberta sobre o verdadeiro amor"

Estou há algumas horas encarando o computador e me perguntando o que falar sobre esse livro, já que me falta palavras para expressar tudo que estou sentindo após terminar a leitura de Minha Rendição, o segundo livro da série Segredos, escrito por uma das minhas autoras favoritas, Cinthia Freire. Acompanho a Cinthia desde o lançamento de Um Novo Amanhecer (resenha aqui), e quando descobri que a Cinthia estava lançando uma série de livros, corri para falar com ela e fazermos novamente uma parceria. Assim que Meu Erro (resenha aqui) ficou disponível em meu kindle, eu comecei a lê-lo, devorei o livro em cerca de dois dias, me apaixonei pela história da Carol e do Gabriel, e então a Cinthia me enviou Minha Rendição (resenha aqui), um conto da série, tipo um spin off. Christopher e a Laura aqueceram meu coração enquanto eu me derramava em lágrimas com a história deles, mas posso dizer que de todos esses livros, Minha Rendição foi o que mais me arrancou sorrisos, suspiros e lágrimas! 

"Ao contrário dos contos de fadas, minha vida não conhece o ‘felizes para sempre’”

Minha Rendição conta a história de Vinicius, um jovem cardiologista que era extremamente orgulhoso e arrogante e, por causa disso, ele comete um grande erro há cerca de um ano e mesmo tendo sido absorvido pela justiça e pelas pessoas que ama, ele ainda não consegue se perdoar por tudo que aconteceu e cria o projeto social Laura Smith (ah, Laura!). O projeto visa ajudar pessoas carentes, e o nome é uma homenagem a Gabriel e sua família, já que é o nome da mãe do mesmo. Vinicius coloca a cabeça e o coração nesse projeto. Ajudar as pessoas necessitadas é a forma que encontra de tentar apaziguar a dor que causou às outras pessoas e de tentar tranquilizar seu coração e consciência. 

O nosso jovem médico passa a trabalhar mais do que o normal. Quando ele não está no hospital, está no projeto social, deixando Verônica e Carol loucas de preocupação. Ele está exausto, porque além de trabalhar mais do que pode, não consegue dormir por causas dos pesadelos que continuam lhe rondando, mas o que ele não esperava é que ao almoçar em um restaurante da periferia, ele encontraria sua rendição. 

"Não são os nossos erros quem nos define, mas a maneira como agimos a partir deles. Quem nos tornamos, o quantos eles nos marcam." 

Poliana é uma linda ruiva que trabalha como garçonete em um restaurante da periferia. A jovem sofreu um trauma terrível no passado que fez com que ela prometesse jamais se envolver novamente com outro homem, mas ao avistar Vinicius entrar no restaurante, o mesmo desperta seu interesse e a admiração é mútua. 

Poliana começa, então, a travar uma batalha interna consigo mesma. Por um lado, ela quer se permitir a tentar conquistar Vinicius, e por outro lado, ela quer apenas correr na direção oposta a ele. Ela começa, então, a comparar a situação deles com um conto de fadas, já que Vinicius aparenta ser um príncipe encantado, enquanto ela se parece com a gata borralheira, e na historia dela nunca existiu um “felizes para sempre” no final. 

"O homem que fala comigo em exatamente todas as qualidades exigidas para estar na capa de uma revista de moda, ou nas passarelas usando um terno muito caro, mas eu acho que ele se encaixa melhor em um daqueles filmes onde deuses gregos exalam músculos perfeitos enquanto disputam força em trajes curtos."

O romance entre eles vai crescendo aos poucos, primeiro se tornam amigos, depois se aproximam cada vez mais e é lindo ver o quanto eles vão amadurecendo juntos e aprendendo a lidar com seus traumas. Vinicius e Poliana se completam, ambos estão destruídos emocionalmente, e carregam mais dor e sofrimento do que podem suportar, mas eles encontram um no outro um motivo par dar mais uma chance a vida e recomeçar. E acompanhar cada passo disso foi uma das coisas mais lindas de minha vida. 

Além de acompanhar essa história maravilhosa, ainda temos o bônus de ter mais contato com Gabriel e Carol, e quem acha que a história deles acaba junto com o primeiro livro da série, está bem enganado! Eles ainda estão vivendo um dia de cada vez e fazendo de tudo para se ajudarem. Foi lindo ver o Gabriel tão maduro nesse livro. 

"Ela sorri, um sorriso lindo, como uma flor rara em meio as cinzas. Desejo gravar o seu rosto nesse momento para que eu me lembre, porque eu posso jurar que não há no mundo inteiro uma imagem mais bela do que essa garota pequena e tão forte, que teve a vida difícil e que mesmo assim está me permitindo ficar"

Uma das coisas que mais amo nos livros da Cinthia, é que os dois protagonistas narram a história, então podemos ver um pouco de cada perspectiva e compreendê-los melhor. A carga dramática do livro é intensa, principalmente porque os traumas deles são reais, principalmente o da Poliana. Milhares de pessoas passam pelo que ela passou ou ainda estão passando por isso. Além disso, são temas complicados que precisam serem discutidos, como a dependência química, abuso, violência doméstica, e principalmente: o medo. 

A cada capítulo que me arrancava suspiros e sorrisos meu coração se apertava com medo do que estaria por vir, e quando tudo começa a acontecer, eu chorei até não poder mais. Quando terminei a leitura, eram cerca de três horas da manhã, e quando meu namorado chegou em casa as seis e meia (ele trabalha de madrugada) e me encontrou acordada, perguntou o que tinha acontecido e eu lhe expliquei em poucas palavras que o livro que estava lendo trazia tantas lições para serem aprendidas, além de abrir meus olhos para situações que acontecem com pessoas que conhecemos, que não conseguia fechar os olhos sem pensar no livro. Ele me fez levantar, comer alguma coisa e depois dormir, me sentindo protegida em seus braços, porque depois de ler Minha Rendição, eu estava precisando me sentir como a Poliana se sentia com Vinicius, protegida.

"Eu não sou a garota mais bonita, nem a mais inteligente, não sou a mais rica e não tenho a profissão mais incrível de todas, mas tenho certeza de que sou a garota mais feliz desde lugar porque o amor que sinto por este homem é maior do que tudo, nem dinheiro, nem poder, nem o bem e nem mesmo o mal podem destruir. É o meu bem mais precioso, meu maior tesouro" 

A leitura desse livro despertou em mim uma angustia enorme ao imaginar pessoas passando por situações parecidas, pessoas desamparadas e que precisavam de ajuda. Fez crescer em mim uma mistura de sentimentos incompreendidos e eu preciso agradecer a Cinthia por isso. Porque agora estou olhando para minha vida com outros olhos, e quando os problemas acontecem, eu penso: vai melhorar, só depende de mim.


 
© Copyright - Mariely Abreu - Design e Codificação - Todos os direitos reservados Voltar ao Topo!