[Filme] Eu Assisti: A Espera de um Milagre - Frank Darabont


     

Eu comecei o projeto de 101 coisas em 1001 diasna lista eu coloquei que uma das minhas metas era assistir a 100 filmes clássicos (acabei colocando na lista uns dois a três filmes mais atuais), e na medida que eu for assistindo, eu vou relatando essas experiencias aqui no blog, da mesma forma que farei quando assistir um filme que não esteja, na lista.

Filme dirigido por Frank Darabont,
no ano de 1999. 
Duração de 3 horas e 9 minutos.
Nome original: The Green Mile.
     Sinopse: Milagres acontecem em lugares inesperados, mesmo no bloco de celas para o corredor da morte na Penitenciária Cold Mountain. Paul Edgecomb conta a amiga o que aconteceu em sua vida depois que ele conheceu John Coffey, um gentil e gigante prisioneiro com poderes sobrenaturais, traz um senso de espírito e humanidade aos seus guardas e colegas de cela. Aos poucos, desenvolve-se entre eles uma relação incomum. Tom Hanks lidera um elenco estrelar (incluindo Michael Clarke Duncan, como Coffey) nesta emocionante e tocante história de guardas e prisioneiros; maridos e esposas; um inesquesível camundongo chamado Mr.Jingles; e um produtor a altura desde elenco. 




Minha Opinião: Eu achei esse filme maravilhoso. O enrendo, o elenco, a fotografia, a direção. É tudo impecável. A historia do filme mexeu comigo, acho que é impossível alguém assistir a esse filme e não se emocionar, e no meu caso, eu chorrei horrores com esse filme. À espera de um milagre é um filme com uma carga emocional muito forte, até mesmo nas pequenas coisas faz com que você se arrepie. O filme desperta em você todas as emoções possíveis, principalmente com as cenas dos presos sendo mortos (torturados) na cadeira elétrica. Com toda a certeza do mundo, eu vou sempre estar indicando esse filme a todos. 


#01 - O filme é uma adaptação do livro (de mesmo nome) do Stephen King.
#02 - O filme teve quatro indicações ao osca, inclusive.
#03 - O filme mostra como é importante não julgar pela aparência.
#04 - É um filme inesquecível e extremamente emocionando.  
#05 - Tem um elenco e uma produção impecável. 


#01 - Na realidade, Michael Clarke Duncan tem mais ou menos a mesma altura de David Morse e é um pouco menor do que James Cromwell. Entre outras coisas, os criativos ângulos das câmeras foram usados para criar a ilusão de que John Coffey era maior que todos, até mesmo que Brutal Howell e o diretor Moores.
#02 - Michael Jeter (que faz Eduard Delacroix) também esteve em “Um Ratinho Encrenqueiro” (1997), outro filme co-estrelado por um rato inteligente.
#03 - Originalmente a história se passa em 1932, mas no filme foi preciso um pulo de três anos, para que o filme “O Picolino” (1935) pudesse ser envolvido na história.
#04 - Originalmente, Tom Hanks iria também interpretar o velho Paul, mas os testes de maquiagem se provaram ineficazes em envelhecê-lo. Dabbs Greer foi contratado para interpretar o velho Paul Edgecomb.
#05 - À Doug Hutchison (Percy), de acordo com o diretor, foi dado os sapatos mais barulhentos que ele já ouviu (e que pode ser ouvido durante o filme). Ele achou que esse foi um grande presente do destino, e “uma perfeita e maravilhosa ‘marca registrada’ do chato personagem”.

Deixe sua opinião

 
© Copyright - Mariely Abreu - Design e Codificação - Todos os direitos reservados Voltar ao Topo!